Os benefícios da Glutamina

glutamina, apesar de ser classificada pela literatura cientifica como um aminoácido não essencial, é essencial para o nosso organismo. Ela realiza funções vitais para o bom funcionamento de diversos órgãos como pulmões, coração, rim, fígado e intestino.

Como outros aminoácidos, a glutamina desempenha um papel vital no metabolismo da proteína e na recuperação muscular. Estudos mostraram também que a glutamina em pequena dose oral (2 gramas da suplementação), elevou o aumento do nível de hormônio do crescimento.

Por ser o aminoácido mais abundante no plasma, a glutamina é um nutriente indispensável nos estados catabólicos como infecção, cirurgia, trauma, queimadura e imunossupressão. Por estas razões, as dietas enriquecidas com glutamina devem ser consideradas no suporte nutricional de várias doenças.

Nosso organismo também a utiliza para o transporte de amônia e nitrogênio pela corrente sanguínea, e é por esse motivo que é necessário manter sempre constante a quantidade de glutamina no sangue. Além de ser também uma fonte primária de energia para o nosso sistema imunológico. Ela também é necessária para a absorção e a proliferação de células intestinais, prevenindo a deterioração do intestino, além de normalizar a permeabilidade e integridade do mesmo.

Para atletas de atividades físicas de alta intensidade e principalmente praticantes de musculação, tem auxiliado muito na recuperação após os treinos, pois poupa o tecido muscular que é catabolizado para prover glutamina para outras células do corpo, permitindo que o tecido muscular use o nutriente para sintetizar tecido muscular novo, contribuindo para o aumento de força e resistência e diminuindo o tempo de recuperação.

Apesar de ser produzida pelo corpo e representar praticamente 60% do tecido muscular esquelético, é necessária uma suplementação, já que a demanda de glutamina nos músculos é muito maior do que o corpo é capaz de produzir nos casos desses atletas.

A queda dos estoques de glicogênio intramuscular está associada a quedas nas concentrações muscular e plasmática da glutamina, aminoácido essencial para os leucócitos desempenharem suas funções de destruição de bactérias e vírus. Por este motivo é que se diz que em overtraining o sistema imunológico fica debilitado. A solução para esses esportistas profissionais que treinam pesado é a suplementação de glutamina, diminuindo assim as chances de se debilitar.

Como Tomar:

A glutamina pode ser encontrada isolada em suplementos individuais onde a concentração é bem maior, ou em outros suplementos como Whey Protein e Hipercalóricos. A dose recomenda é de 10gr diariamente, sendo dividida em 5g no café da manhã ou após o treino e 5g antes de dormir. Podendo ser tomada junto com água, sucos ou outro suplemento protéico.

Benefícios da Glutamina:

  • Ajuda em processos intestinais;
  • Melhora o balanço de NO2 no corpo;
  • Ajuda em processos pós-operatórios;
  • Ajuda a controlar o pH sanguíneo;
  • Ajuda em processos cerebrais.

Muitos estudos clínicos mostraram que a suplementação com glutamina produz os seguintes benefícios:

  • Aumenta a Síntese de Proteína (Construção de Músculo): glutamina poupa o tecido muscular que é catabolizado para prover glutamina para outras células no corpo, assim permitindo que o tecido muscular use glutamina para sintetizar tecido muscular novo.
  • Diminui o Catabolismo (A Quebra de Tecido Muscular): Catabolismo acontece quando glutamina deixa o músculo e leva as células a descarregar água e se tornarem desidratadas. Suplementação com glutamina assegura que os altos níveis de glutamina dentro das células sejam mantidos o que significa que não ocorre descarga de água ou catabolismo.
  • Impede o esvaziamento de glutamina nos músculos depois de exercícios: Sob períodos de tensão, incluindo treinamentos duros e intensivos, seu corpo pode não conseguir fabricar toda Glutamina que requer. Estudos mostraram que a suplementação com glutamina é eficaz na substituição destes níveis decaídos.
  • Eleva os Níveis de Hormônio do Crescimento: Foi provado que suplementação com glutamina pode ter um efeito positivo em níveis de hormônio de crescimento. Um recente estudo mostrou que uma pequena dose oral de 2 gramas de glutamina causou um aumento do nível de hormônio do crescimento maior que 430%.
  • Ajuda o Sistema Imunológico: glutamina pode melhorar a função do sistema imunológico e pode reduzir a incidência de doenças. Durante períodos de tensão ou doença, o metabolismo da glutamina é aumentado para promover um ótimo sistema imunológico funcionando.

Fonte: Sallutar.

Sobre Guilherme Cury

26 anos, blogueiro, publicitário e músico. Como 1/3 das crianças de hoje em dia, já foi obeso quando pequeno. Graças a força de vontade conseguiu mudar seus hábitos alimentares e começou a praticar exercícios. De lá para cá nunca abandonou o esporte, é apaixonado por artes marciais, natação, corrida e academia. Saúde em primeiro lugar, física e mental.
  Categorias: Curiosidades, Nutrição, Saúde, Suplementos

Deixe um comentário

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Protected by WP Anti Spam